top of page

Empresário e funcionário são presos em Araxá com carga roubada de whisky Old Par avaliada em R$1,2 m

As investigações continuam.



A Polícia Civil de Araxá prendeu nesta segunda-feira (27) um empresário e seu funcionário acusados de receptarem uma carga de whisky Old Par avaliada em R$1,2 milhão. As bebidas haviam sido ontem roubadas em Uberaba. Os policiais tiveram que cortar o cadeado do caminhão baú que também era produto de crime. As investigações continuam.


De acordo com informações da Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Adj. de Combate a Crimes ocorridos na zona Rural, pertencente a 2ª DRPC de Araxá, sob a titularidade do Delegado de Polícia Dr. Conrado Costa da Silva, desencadeou operação policial objetivando a localização de uma possível carga roubada.


Após os policiais receberem denúncia de uma empresa que realiza rastreamento de cargas dando conta de que um carregamento de whisky, produto de roubo, estaria escondido no galpão de uma empresa de batatas, situada no distrito industrial de Araxá, foi designado uma equipe desta especializada para comparecerem até o local.


Durante vistoria no interior do estabelecimento, foi localizado o caminhão marca VW, modelo 24280, produto de furto na cidade de Uberaba, na data de 24/05/2022. Referido veículo estava carregado e devidamente trancado. Diante das fundadas suspeitas, foi determinado o rompimento do cadeado do compartimento de cargas do caminhão, sendo que no seu interior estava um carregamento de Whisky Old Par, também produto de roubo, o qual foi registrado no dia 26/02/2023, também na cidade de Uberaba/MG.


Conforme apurado, a carga recuperada foi avaliada em mais de um milhão de reais. Diante dos fatos, o empresário proprietário do estabelecimento onde foram localizados os produtos ilícitos, bem com um funcionário do local, foram presos em flagrante delito pelo crime de receptação, e após serem devidamente interrogados, tiveram suas prisões ratificadas pela autoridade policial titular da Delegacia Rural. As investigações prosseguem, com o objetivo de identificar outros envolvidos e o possível desmantelamento de uma provável organização criminosa especializada na prática de delitos desta natureza. Foram apreendidos aparelho celular, um caminhão e uma carga de whisky Old Par, avaliada em R$1.200.000,00.



 





0 comentário

Commentaires


bottom of page